segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Vejam essa prova: ainda quer tirar onda

Postado por Aline Brito às 14:24 3 comentários

Eu já passei por situações parecidas como professora. Sou professora de língua portuguesa, dentre outras matérias, e há momentos em que realmente não sei o que fazer, ou não sei o que estou fazendo ali. É pra rir, o pra chorar? rsrsrs

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Você assinaria?

Postado por Aline Brito às 08:02 0 comentários

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

A foca de borracha

Postado por Aline Brito às 10:15 1 comentários
Vamos ler mais uma historinha daquelas que eu vivencio com as crianças, sempre muito espertas...


Uma outra sobrinha, Inha, estava comigo na frente do circo com a sua foca de borracha nas mãos. De repente, ela avistou a máquina de fazer algodão doce. Então, ela resolveu me dizer: "Tia, minha foca quer comer algodão doce". Eu, prontamente, querendo participar da "brincadeira", disse: "Ah, diga a ela que seu pai vai comprar". Aí ela respondeu, "na bucha": "Ela já ouviu você falando..."

Enfim, quem pensa que criança é besta, é o próprio besta. rsrsrs.

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Minhas manias

Postado por Aline Brito às 21:33 0 comentários
Tenho muitas manias...

Mania de arrancar cabelo (isso mesmo, eu fico o dia inteiro com a mão na cabeça tirando fio por fio, escolhendo aquele fio mais crespo. O problema é: se eu tiro os crespos, o que vai sobrar?)

Mania de guardar as coisas (eu tenho uma pena de jogar as coisas fora... Acho que não chega a ser um TOC - Transtorno Obsessivo Compulsivo, mas gardo muito papel, muita lembrancinha de festa, muito acessório que não uso, fora fita cassete e VHS que nem tenho onde ouvir e ver)

Mania de fazer várias coisas ao mesmo tempo (eu nunca fico concentrada somente em uma função, agora mesmo, estou no notebook digitando e prestando atenção num programa de TV - Esquadrão da Moda, SBT)

Mania de falar bobagem (o problema é: não é todo lugar, toda ocasião, que posso falar minhas "bestages", mas não tem jeito, não consigo, to sempre contando uma historinha engraçada pra quem estiver perto, mesmo que seja durante uma reunião acadêmica)

Tem mais manias... Outra vez, eu conto. E você? Qual sua mania?

Missão Impossível

Postado por Aline Brito às 00:54 2 comentários
video

domingo, 20 de fevereiro de 2011

10 coisas de que você provavelmente não sabia

Postado por Aline Brito às 22:06 0 comentários

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Curiosidade: a Terra em miniatura

Postado por Aline Brito às 10:57 2 comentários
Se pudéssemos reduzir a população da Terra a uma pequena aldeia de exatamente 100 habitantes, mantendo as proporções existentes atualmente, sería algo assim:
Haveria:

57 asiáticos

21 europeus

8 africanos

4 americanos

52 mulheres

48 homens

70 não seriam brancos

30 seriam brancos

70 não cristãos

30 cristãos

89 heterossexuais

11 homossexuais

6 pessoas possuiriam 59% de toda riqueza e

6 (sim, 6 de 6) seriam norte americanos.

Das 100 pessoas,

80 viveriam em condições sub-humanas.

70 não saberiam ler

50 sofreriam de desnutrição

1 pessoa estaria a ponto de morrer

1 bebê estaria prestes a nascer

Só 1 (sim, só 1) teria educação universitária.

Nesta aldeia, haveria apenas 1 pessoa a possuir um computador.

Ao analisar nosso mundo desta perspectiva tão reduzida, se faz mais presente a necessidade de aceitação, entendimento, e educação.

Agora pense...

Se você se levantou nesta manhã com mais saúde que doenças, então você tem mais sorte do que milhões de pessoas que não sobreviveram nesta semana.

Se você nunca experimentou os perigos da guerra, a solidão de estar preso, a agonia de ser torturado, ou a aflição da fome,

Então, você está melhor que 500 milhões de pessoas.


Se você tem

comida na geladeira,

roupa no armário,

um teto sobre sua cabeça

e um lugar onde dormir,

você é mais rico que

75% da população mundial.

Se você

guarda dinheiro no banco,

na carteira,

e tem algumas moedas em um cofrinho...

já está entre os 8% mais ricos deste mundo.

Se seus pais ainda estão vivos e unidos, você é uma pessoa muito rara.

Se você leu esta mensagem, tem melhor sorte que

mais de 2 bilhões de pessoas neste mundo, que não sabem sequer ler.

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Exigências da vida moderna

Postado por Aline Brito às 11:08 0 comentários
Mais um, texto do admirado Luís Fernando Veríssimo






Dizem que todos os dias você deve comer uma maçã por causa do ferro.


E uma banana pelo potássio.

E também uma laranja pela vitamina C.

Uma xícara de chá verde sem açúcar para prevenir a diabetes.

Todos os dias deve-se tomar ao menos dois litros de água.

E uriná-los, o que consome o dobro do tempo.

Todos os dias deve-se tomar um Yakult pelos lactobacilos (que ninguém sabe bem o que é, mas que aos bilhões, ajudam a digestão).

Cada dia uma Aspirina, previne infarto.

Uma taça de vinho tinto também.

Uma de vinho branco estabiliza o sistema nervoso.

Um copo de cerveja, para... não lembro bem para o que, mas faz bem.

O benefício adicional é que se você tomar tudo isso ao mesmo tempo e tiver um derrame, nem vai perceber.

Todos os dias deve-se comer fibra.

Muita, muitíssima fibra.

Fibra suficiente para fazer um pulôver.

Você deve fazer entre quatro e seis refeições leves diariamente.

E nunca se esqueça de mastigar pelo menos cem vezes cada garfada.

Só para comer, serão cerca de cinco horas do dia.

E não esqueça de escovar os dentes depois de comer.

Ou seja, você tem que escovar os dentes depois da maçã, da banana, da laranja, das seis refeições e enquanto tiver dentes, passar fio dental, massagear a gengiva, escovar a língua e bochechar com Plax.

Melhor, inclusive, ampliar o banheiro e aproveitar para colocar um equipamento de som, porque entre a água, a fibra e os dentes, você vai passar ali várias horas por dia.

Há que se dormir oito horas por noite e trabalhar outras oito por dia, mais as cinco comendo são vinte e uma.

Sobram três, desde que você não pegue trânsito.

As estatísticas comprovam que assistimos três horas de TV por dia.

Menos você, porque todos os dias você vai caminhar ao menos meia hora (por experiência própria, após quinze minutos dê meia volta e comece a voltar, ou a meia hora vira uma).

E você deve cuidar das amizades, porque são como uma planta: devem ser regadas diariamente, o que me faz pensar em quem vai cuidar delas quando eu estiver viajando.

Deve-se estar bem informado também, lendo dois ou três jornais por dia para comparar as informações.

Ah! E o sexo.

Todos os dias, tomando o cuidado de não se cair na rotina.

Há que ser criativo, inovador para renovar a sedução.

Isso leva tempo e nem estou falando de sexo tântrico.

Também precisa sobrar tempo para varrer, passar, lavar roupa, pratos e espero que você não tenha um bichinho de estimação.

Na minha conta são 29 horas por dia.

A única solução que me ocorre é fazer várias dessas coisas ao mesmo tempo!!!

Tomar banho frio com a boca aberta, assim você toma água e escova os dentes. Chame os amigos e seus pais.

Beba o vinho, coma a maçã e dê a banana na boca da sua mulher.

Ainda bem que somos crescidinhos, senão ainda teria um Danoninho e se sobrarem 5 minutos, uma colherada de leite de magnésio.

Agora tenho que ir.

É o meio do dia, e depois da cerveja, do vinho e da maçã, tenho que ir ao banheiro.

E já que vou, levo um jornal...


Tchau...

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

E se o homem jogasse o buquê?

Postado por Aline Brito às 22:00 0 comentários




Um presentinho enviado pelo meu lindo Netinho Prates rsrs.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Homenagem aos mineiros queridos

Postado por Aline Brito às 23:04 0 comentários
Amo ocê !




Ocê é o colírio du meu ôiu.

É o chicrete garrado na minha carça dins.

É a mairionese du meu pão.

É o cisco nu meu ôiu (i no ôtro oiu - eu tenho dois).

O rechei du meu biscoito.

A masstumate du meu macarrão.



Nossinhora!

Gosdimais da conta docê, uai.



Ocê é tamém:

O videperfume da minha pintiadêra.

O dentifriço da minha iscovdidente.



Óiprocevê,

Quem tem amigossim, tem um tisôru!



Ieu guárdesse tisouro, com todu carinho ,

Du lado isquerdupeito !!!

Dentro do meu Coração!!!



AMO ocê, uai!!!



Fais favô de mandá pra tudos seus amigus du coração!!!

BRIGADO PELO SEU CARIN, cumqueu sempre pude contá!!!!

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Necessidades sexuais

Postado por Aline Brito às 21:47 0 comentários
Uma amiga de uma amiga enviou este texto para ser publicado especialmente aqui no meu blog.
Eu amo as crônicas de Veríssimo, e esta é das melhores: leiam e divirtam-se:





Eu nunca havia entendido porque as necessidades sexuais dos homens e das mulheres são tão diferentes.


Nunca tinha entendido isso de 'Marte e Vênus'. E nunca tinha entendido porque os homens pensam com a cabeça e as mulheres com o coração …

Uma noite, semana passada, minha mulher e eu estávamos indo para a cama. Bom, começamos a ficar a vontade, fazer carinhos, provocações, o maior 'T' e, nesse momento, ela parou e me disse:

-Acho que agora não quero, só quero que você me abrace...

Eu falei:- O QUEEEEEEEEEEEEEEEEÊ ???

Ela falou:- Você não sabe se conectar com as minhas necessidades emocionais como mulher.

Comecei a pensar no que podia ter falhado.

No final, assumi que aquela noite não ia rolar nada, virei e dormi.

No dia seguinte, fomos ao shopping.

Entramos em uma grande loja de departamentos...

Fui dar uma volta enquanto ela experimentava três modelitos caríssimos.

Como não podia decidir por um ou outro, falei para comprar os três.

Então, ela me falou que precisava de uns sapatos que combinassem a R$200,00 cada par.

Respondi que tudo bem. Depois fomos à seção de joalheria, onde escolheu uns brincos de diamantes.

Estava tão emocionada!! Deveria estar pensando que fiquei louco.

Acho até que estava me testando quando pediu uma raquete de tênis, porque nem tênis ela joga.

Acredito que acabei com seus esquemas e paradigmas quando falei que sim.

Ela estava quase excitada sexualmente depois de tudo isso. Vocês tinham que ver a carinha dela, toda feliz!

Quando ela falou: - Vamos passar no caixa para pagar, amor?

Daí eu disse: - Acho que agora não quero mais comprar tudo isso, meu bem... Só quero que você me abrace!!!

Ela ficou pálida. No momento em que começou a ficar com cara de querer me matar, Falei: - Você não sabe se conectar com as minhas necessidades financeiras de homem.

Vinguei-me.... mas acredito que o sexo acabou para mim até o Carnaval de 2011.



Luiz Fernando Veríssimo

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Mozart no escritório

Postado por Aline Brito às 21:58 0 comentários
video

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Minha casa, minha vida em Dubai

Postado por Aline Brito às 10:22 0 comentários








terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

O professor está sempre errado...

Postado por Aline Brito às 09:47 0 comentários
Em homenagem ao início das aulas ontem na faculdade onde eu ensino, aí vai um texto bem interessante sobre essa minha profissão sofrida rsrsrs.


(Jô Soares)




O material escolar mais barato que existe na praça é o professor!

É jovem, não tem experiência.

É velho, está superado.

Não tem automóvel, é um pobre coitado.

Tem automóvel, chora de "barriga cheia'.

Fala em voz alta, vive gritando.

Fala em tom normal, ninguém escuta.

Não falta ao colégio, é um 'caxias'.

Precisa faltar, é um 'turista'.

Conversa com os outros professores, está 'malhando' os alunos.

Não conversa, é um desligado.

Dá muita matéria, não tem dó do aluno.

Dá pouca matéria, não prepara os alunos.

Brinca com a turma, é metido a engraçado.

Não brinca com a turma, é um chato.

Chama a atenção, é um grosso.

Não chama a atenção, não sabe se impor.

A prova é longa, não dá tempo.

A prova é curta, tira as chances do aluno.

Escreve muito, não explica.

Explica muito, o caderno não tem nada.

Fala corretamente, ninguém entende.

Fala a 'língua' do aluno, não tem vocabulário.

Exige, é rude.

Elogia, é debochado.

O aluno é reprovado, é perseguição.

O aluno é aprovado, deu 'mole'.




É, o professor está sempre errado, mas, se conseguiu ler até aqui, agradeça a ele!

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Psicologia, 1959 X 2010

Postado por Aline Brito às 08:02 0 comentários
O texto abaixo pede reflexão maior... Seria apenas cômico, se não fosse nossa tragicômica realidade.





Cenário 1: João não fica quieto na sala de aula. Interrompe e perturba os colegas.


1959: É mandado à sala da diretoria, fica parado esperando 1 hora, vem o diretor, lhe dá uma bronca descomunal e volta tranquilo à classe.

2010: É mandado ao departamento de psiquiatria, o diagnosticam como hiperativo, com transtornos de ansiedade e déficit de atenção em ADD, o psiquiatra lhe receita Rivotril. Transforma-se num Zumbi. Os pais reivindicam uma subvenção por ter um filho incapaz.

--------------------------------------------------------------------------------

Cenário 2: Luís quebra o farol de um carro no seu bairro.

1959: Seu pai tira a cinta e lhe aplica umas sonoras bordoadas no traseiro... Nem passa pela cabeça de Luís fazer outra nova "cagada", cresce normalmente, vai à universidade e se transforma num profissional de sucesso.

2010: Prendem o pai de Luis por maus tratos; condenam-no a 5 anos de reclusão e, por 15 anos deve abster-se de ver o filho. Sem o guia de uma figura paterna, Luís se volta para a droga, delínque e fica preso num presídio especial para adolescentes.

--------------------------------------------------------------------------------

Cenário 3: José cai enquanto corria no pátio do colégio, machuca o joelho. Sua professora Maria o encontra chorando e o abraça para confortá-lo...

1959: Rapidamente, João se sente melhor e continua brincando.

2010: A professora Maria é acusada de abuso sexual, condenada a três anos de reclusão. José passa cinco anos de terapia em terapia. Seus pais processam o colégio por negligência e a professora por danos psicológicos, ganhando os dois juízos. Maria renuncia à docência, entra em aguda depressão e se suicida...

--------------------------------------------------------------------------------

Cenário 4: Disciplina escolar

1959: Fazíamos bagunça na classe... O professor nos dava umas boa "mijada" e/ou encaminhava para a direção; chegando em casa, nosso velho nos castigava sem piedade.

2010: Fazemos bagunça na classe. O professor nos pede desculpas por repreender-nos e fica com a culpa por fazê-lo . Nosso velho vai até o colégio se queixar do docente e para consolá-lo compra uma moto para o filhinho.

--------------------------------------------------------------------------------

Cenário 5: Horário de Verão.

1959:Chega o dia de mudança de horário de inverno para horário de verão. Não acontece nada.

2010: Chega o dia de mudança de horário de inverno para horário de verão. A gente sofre transtornos de sono, depressão, falta de apetite, nas mulheres aparece celulite.

--------------------------------------------------------------------------------

Cenario 6: Fim das férias.

1959: Depois de passar férias com toda a família enfiada num Gordini, após 15 dias de sol na praia, hora de voltar. No dia seguinte se trabalha e tudo bem.

2010: Depois de voltar de Cancún, numa viajem 'all inclusive', terminam as férias e a gente sofre da síndrome do abandono, pânico, attack e seborreia...

--------------------------------------------------------------------------------


Fica a pergunta...


QUANDO FOI QUE NOS TRANSFORMAMOS NESTE BANDO DE idiotas?...

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Inacreditável

Postado por Aline Brito às 14:54 0 comentários

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Dependendo da posição, o prazer será maior

Postado por Aline Brito às 15:39 0 comentários
Segundo estudos recentes,


parado, fortalece a coluna;

de cabeça baixa estimula a circulação do sangue;

de barriga para cima é mais prazeroso;

sozinho, é estimulante, mas egoísta;

em grupo, pode até ser divertido;

no banho pode ser arriscado;

no automóvel, é muito perigoso...

Com frequência,desenvolve a imaginação;

entre duas pessoas, enriquece o conhecimento;

de joelhos, o resultado pode ser doloroso...

Enfim, sobre a mesa ou no escritório,

antes de comer ou na sobremesa,

sobre a cama ou na rede,

nus ou vestidos,

sobre o sofá ou no tapete,

com música ou em silêncio,

entre lençóis ou no closet:, sempre é um ato de amor e de enriquecimento.

Não importa a idade, nem a raça, nem a crença, nem o sexo, nem a posição socioeconômica...



... Ler é sempre um prazer!!!



DEFINITIVAMENTE, LER LEVA A DESFRUTAR DA IMAGINACÃO... E VOCÊ ACABOU DE EXPERIMENTAR ESSE FATO....



PENSOU QUE FOSSE O QUE? OH!!!??? MENTE POLUÍDA

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Parto alemão e parto japonês

Postado por Aline Brito às 09:35 0 comentários
video
 

Tinha de ser ela... Por Aline Brito | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2010 | Engenharia e Design de Marlos Ross