sábado, 2 de abril de 2011

Na reunião de condomínio...

Postado por Aline Brito às 01:45
No antigo prédio onde eu morava, as reuniões de condomínio eram bem animadas, pra não dizer barulhentas, pra não dizer na base da baixaria mesmo. Era todo tipo de discussão, reclamações diversas e eternas, do roubo do síndico à falta de água. Um vexame.
Certo dia, dentre os vários pepinos a serem discutidos numa dessas reuniões, um probleminha chamou minha atenção, a ponto de eu me lembrar, após tanto tempo, de relatar aqui no blog:
Uma moradora, após esperar pacientemente vários outros falarem, pediu a palavra para fazer a sua reclamação: ela pediu, claramente:
- Vizinhos, tenham mais cuidado com os barulhos noturnos, é... aqueles barulhos íntimos... amorosos.
Todos riram, claro, até foi legal a brincadeira da vizinha pra descontrair o clima pesado da reunião. Mas ela continou:
- Gente, estou falando sério. O som está realmente incomodando, e tem sido recorrente. Vou dizer o que realmente aconteceu: meu filho, de 7 anos, me perguntou: "Mamãe, por que essa mulher está gritando desse jeito?" Eu, muito sem graça, expliquei que ela deveria estar sentido alguma dor. O garoto, inconformado, me pediu: "Ah, mamãe, então liga logo pra ambulância, porque ela deve estar sentindo muita dor, porque ela grita tanto!"
O constrangimento foi geral, minha curiosidade a todo vapor, eu louca pra saber de quem se tratava.... Mas ali, naquele ambiente hostil, não tive coragem de perguntar. Até imagino quem seja, mas... Fica a lição: cuidado com seus gemidos! :)

3 comentários:

Bruno Azevedo on 3 de abril de 2011 20:09 disse...

ha ha ha ha...morri...eu, com certeza, iria perguntar quem era...num sou baú...kkkkkk

Aline Brito on 4 de abril de 2011 09:57 disse...

Pois é, Bruno, eu até hoje estou curiosa... rsrsrss

Manu on 5 de abril de 2011 10:48 disse...

Cuidado com os gemidos, meninas!!!
hahahaahahahaha

Postar um comentário

 

Tinha de ser ela... Por Aline Brito | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2010 | Engenharia e Design de Marlos Ross